Ministro descarta cancelar o Enem após vazamento de imagens da prova

Ministro descarta cancelar o Enem após vazamento de imagens da prova
Foto: Ricardo Stucker / PR

O ministro da Educação, Camilo Santana, descartou nesta segunda-feira (6) a hipótese de cancelar o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) após a divulgação de imagens da prova.

"De forma alguma", respondeu o ministro, ao ser questionado sobre o assunto.

Camilo participou de uma reunião com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), no Palácio do Planalto. Também participaram o presidentes do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), Fernanda Pacobahyba, e o novo presidente da Caixa Econômica Federal, Carlos Vieira.

O objetivo do encontro foi tratar do programa de renegociação das dívidas do Fies. No entanto, Camilo também acrescentou que informou que fez para o mandatário um balanço do Enem.

O ministro disse que as 15 prisões realizadas no domingo (5), com relação com o Enem, foram "ocorrências pontuais".

Ele acrescentou que duas diligências foram realizadas pela Polícia Federal, sobre a divulgação das imagens do exame, uma em Pernambuco e outra no Distrito Federal.

Por  Renato Machado | Folhapress - Bahia Notícias